quinta-feira, 19 de novembro de 2009



Fragmentos
(Há alguns anos...)

9 comentários:

Natália disse...

nossa!
tão sincero e tão medonho...
mto bom tchuca

bjos

Milla disse...

A pureza e a sinceridade amedrontam?

Lys disse...

Cara, amei!

Lipo de Alcantara disse...

Lindos fragmentos. Quando crescer quero escrever como você.

Anônimo disse...

Quando crescer eu quer ser Milla!

lugar_teu disse...

eu acho sim que a pureza e a sinceridade amedrontam. principalmente no que toca ao amor. para se ser verdadeiro é apenas preciso ter caracter. mas para se ser pequeno e frágil no amor, é preciso algo mais.

belos textos
bj*

Avassaladoras Rio disse...

Querida amiga avassaladora... esse tipo de amor que preenche ou pretende preencher tudo ... pode ser danoso... é preciso espaço para fluir.. inclusive o proprio amor.

... disse...

lindo.. parabens!

passe no meu

Marcelo disse...

Muito lindo o "poema", adorei, está de parabéns! Viu, será que pode ceder aquele seu calendário? É muito massa. Outra coisa, estou seguindo seu Blog, se lhe interessar da uma passadinha no meu, vlw